Emirados Árabes (Dubai, Abu Dhabi)
veja mais
Qatar
veja mais
Bahrein
veja mais
Kuwait
veja mais
Arábia Saudita
veja mais
Estados Unidos
veja mais
Canadá
veja mais
Portugal
veja mais

Emirados Árabes (UAE)

Formados por uma confederação de monarquias árabes, cada uma detendo sua soberania, chamadas emirados (equivalentes a principados), os Emirados Árabes Unidos estão situados no sudeste da Península Arábica e fazem fronteira com Omã e com a Arábia Saudita. Os sete emirados são Abu Dhabi, Dubai, Sharjah, Ajman, Umm al-Quwain, Ras al-Khaimah e Fujairah. A capital e a segunda maior cidade dos Emirados Árabes Unidos é Abu Dhabi. A cidade também é o centro de atividades políticas, industriais e culturais.

 

A divisão territorial dos Emirados Árabes:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A localização dos Emirados Árabes no Oriente Médio:

 

 

 

A localização dos Emirados Árabes no mapa mundi:

 

 

 

 

 

 

 

Dados dos Emirados Árabes:

 

  • Nome Oficial do país: Emirados Árabes Unidos (EAU) ou Dawlat al Imarat al Arabiyya al Muttahidah
  • Capital: Abu Dhabi
  • Emirados que compõe a Federação: Dubai, Abu Dhabi, Sharjah, Ajman, Um AL Quawayn, Ras Al Khaimah e Fujeirah. Em árabe” emirado” significa principado.
  • Geografia: Situado no Sudeste da Península Arábica e faz fronteira com Arábia Saudita e Oman. Banhado  pelo Golfo Pérsico e o Golfo de Oman e tem muita proximidade com o importante Estreito de Hormuz.
  • Área: 83 600 km²
  • Presidente: Sheikh Khalifa bin Zayed Al Nahyan, Governante de Abu Dhabi
  • Vice-presidente e Primeiro Ministro: Sheikh Mohammed bin Rashid Al Maktoum, conhecido como sheik Mohammed, também é o governante (emir) de Dubai
  • Tribos Beduínas e Sheikhs: A sociedade  segue regras tribais beduínas populares na região toda da Península. Denominam de “SHEIKHS”, como títulos de nobreza,   todos  os membros de uma tribo governante, tanto adultos, mulheres ( Sheikhas) e até crianças. Nos EAU tem 7 emirados, portanto 7 tribos governantes ou 7 tribos de Sheikhs. Não é somente o governante de um Emirados que leva o título de sheikh mas também filhos e fillhas dele, esposas, tios, sobrinhos etc
  • Dia Nacional: 2 de dezembro. Sendo que os Emirados Árabes Unidos foram formados em 1971, adquirindo independência da Inglaterra.
  • Feriados: São dois tipos de feriados nos EAU, os nacionais com data fixa no calendário ocidental e os religiosos, que mudam de data a cada ano, pois seguem o calendário islâmico. Os principais são: Noite de Israa e Miraj, Eid Al Fitr, Eid Al Adha ,Ano novo Hijri e Aniversário do profeta Maomé.
  • Fuso horário: GMT+4 ou seja tem uma média de 6 ou 7 horas de diferença, pra frente, em relação ao Brasil.
  • Moeda: Dirham dos Emirados Árabes Unidos (Dhs ou AED)
  • Câmbio: um dólar americano equivale a 3,68 Dhs ( portanto um câmbio quase fixo)
  • Idioma : O Árabe é oficial, mas no dia-a-dia e nos negócios o inglês é que predomina.
  • Religião : Islam
  • Código telefônico:+ 971
  • Clima: Verão com altas temperaturas, cerca 46°C  entre os meses de Junho ao final de Agosto. Clima ensolarado quase o ano todo. Já o inverno é muito agradável com temperatura entre 14°C a 23°C. Chuva é artigo raro.
  • Eletricidade: 220/240 Volts. As tomadas são de 3 pinos
  • População: Cerca de 8,2 milhões (2010). A população nativa é minoritária.  Mais de três quartos dos habitantes da cidade são originários de outros países, em especial, do sul da Ásia (Índia, Pakistão e Afeganistão) e das Filipinas, os quais representam a mão de obra popular. Além disso muitos europeus imigraram para cá em busca de melhores condições sociais e desempenham funções muito bem  remuneradas. Aqui também depara-se com muitos árabes de diversas regiões.
  • HORÁRIO COMERCIAL: Os finais de semana são formados pelas sextas e sábados. Sendo assim a semana inicia no domingo.

 

Sobre:

 

Os Emirados Árabes Unidos conquistou fama mundial desde o final dos anos 90, quando Dubai inaugurou o famoso Burj Al Arab, considerado um dos hotéis mais  luxuosos. O estrondoso desenvolvimento econômico alcançado em poucas décadas transformou o país numa das regiões mais seguras e prósperas no Oriente Médio.

O curioso é que toda esta expansão e progresso não aconteceram somente pela riqueza gerada pelo petróleo mas devido a eficiência da gestão pública. O país teve a sorte de pegar uma leva de políticos que entregaram o melhor em estratégias de governo que garantiram um país seguro, moderno e um dos mais ricos do mundo.

Falamos aqui dos seus grandes líderes: o Sheikh Zayed Al Nahyan  fundador da Federação da tribo de Abu Dhabi e falamos do Sheikh Rashed Al Maktoum da tribo de Dubai. Ambos governaram desde final dos anos 60 até os anos 90 aproximadamente e souberam aproveitar os recursos do petróleo para iniciar a jornada de avanço no país. Após o falecimento deles vieram os filhos e deram sequência com ritmos ainda acelerados aliando a isso  tecnologia e inovação. Aqui destacamos a especial atuação do Sheikh Mohammed Al Maktoum, atual governador de Dubai.

 

 

 

Quer saber mais sobre os Emirados? Nós recomendamos que vocês assistam aos vídeos abaixo: